quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Resenha: Os Dilemas da "Mulher Maravilha" do Séc. XXI - Liliane Raquel Carvalho



O livro é dividido em cinco partes. 
  • Supermulher
  • Supermãe
  • Superprofissional
  • Supercompanheira
  • Supervocê
Onde em cada, a autora relata suas experiências com família, trabalho, filhos e companheiro. Dando conselhos e mostrando formas simples de enfrentar problemas.
No livro fala que o bem estar físico e mental andam juntos, se não estamos bem conosco, o restante também não ficará bem.
Devemos saber quem realmente somos, para assim poder enfrentar todos os desafios de nossa vida, seja na escolha certa de qual curso irá fazer, seja na escolha da pessoa que você decidirá passar a vida juntos.
Liliane cita em seu livro várias frases, que quando li, me fizeram refletir muito sobre minha vida. Ela fala também que não devemos tentar agradar a todos, temos que ser nós mesmos, sem esconder atrás de máscaras, sem fingir ser o que não somos!

"A fórmula do sucesso eu ainda não sei; mas a do fracasso é querer agradar todo mundo." Pág. 23

Devemos sempre tirar um tempinho para nós mesmas para espairecer e relaxar, nossa mente trabalha muito, sempre tiramos um tempo para chegar o facebook, responder um email, olhar o instagram enfim, e custamos a tirar um tempinho para cuidar da gente. Esse tempinho é muito necessário, tentamos ser multitarefas, mas o cérebro funciona melhor com cada coisa de uma vez.
As emoções estão ligadas ao que pensamos, e também pode afetar nossa saúde, quando não estamos bem mentalmente, nosso corpo reage de forma negativa para nos mostrar que algo que está errado.
Liliane cita em várias partes no livro textos de grandes autores, como William Shakespeare

"Depois de algum tempo você aprende  diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se. E que companhia nem sempre significa confiança... Descobre que só porque alguém não te ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama com tudo que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem demonstrar ou viver isso..."

Há vários conselhos que a autora dá, que levarei sempre comigo, são conselhos ótimos, que nos mostram que a prioridade de nossa vida, somos nós!

Postar um comentário